Workshop Cana Crua reúne setor sucroalcooleiro em Jaboticabal (SP)

O Workshop Cana Crua experiência acumulada III que acontece de 26 a 28 de junho, na Unesp de Jaboticabal (SP), recebeu ontem cerca de 280 pessoas entre representantes do setor, empresários, técnicos de usinas e estudantes.

O evento é organizado pelo Departamento de Produção Vegetal da faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias — Unesp e a Sociedade dos Técnicos Açucareiros e Alcooleiros do Brasil — Stab.

O Workshop contou com a presença do consultor da União da Agroindústria de São Paulo — Unica, Luiz Carlos Corrêa Carvalho que falou das perspectivas do setor, seguido pelo pesquisador do Centro de Tecnologia Copersucar, Manoel Regis Verde Leal que lembrou do aproveitamento total da biomassa da cultura da cana.

O representante da Unica frisou que as perspectivas para o setor passam necessariamente pela abertura de novos mercados, como a Ásia e quebras de barreiras protecionistas nos Estados Unidos e União Européia. “Já no mercado interno seria necessário o mínimo de políticas públicas para o etanol, como por exemplo, o incentivo para a produção do carro a álcool, já que existe demanda. Os candidatos à presidência da república Lula, Serra e Garotinho já se manifestaram favoráveis à política do álcool”, lembra Carvalho.

Nestor Carlos de Oliveira, diretor do CTEQ apresentou as certificações ISO na agroindústria canavieira. Encerrando o dia, Manoel Ortolan, da CanaOeste abordou a legislação e cana queimada.

Programa:

Dia 27/06/2002 – Manhã

8:00-12:00 — WORKSHOP 2 – PLANEJAMENTO DE TALHÕES, MANEJO FÍSICO E QUÍMICO DO SOLO.

Animador: Ailto Antonio Casagrande (UNESP/Jaboticabal)

08:00-09:00 — Planejamento de talhões

Mario Ortiz Gandini (Usina São Martinho)

João Batista Saccomano (Usina São João)

09:00-09:30 — Sistemas de preparo do solo

Marcelo Siste Campos (Socicana)

09:30-10:15 — Sistemas de cultivo da cana soca

Antonio Claret Strini Paixão (Usina Santa Adélia)

10:15-10:30 — Intervalo

10:30-11:15 — Calagem e adubação da cana-de-açúcar

Nadir Almeida da Glória (Agroserv)

11:15-12:00 — Discussão do tema aberto para a platéia

Dia 27/06/2002 – Tarde

14:00-18:00 — WORKSHOP 3 – CONTROLE DE PLANTAS INVASORAS E PRAGAS

Animador: Leila Luci Dinardo-Miranda (CC/IAC)

14:00-15:30 — Manejo de plantas daninhas e sistemas de controle

Edivaldo Domingues Vellini (UNESP)

Marco Pitta Bidóia (Usina da Pedra)

15:30-15:45 — Intervalo

15:45-17:00 — Danos e Controle de pragas

Newton Macedo (UFScar)

José Eduardo M. de Almeida (Instituto Biológico)

17:00-18:00 — Discussão do tema aberto para a platéia

Dia 28/06/2002 – Manhã

8:00-12:00 — WORKSHOP 4 – VARIEDADES E QUALIDADE DA MATÉRIA PRIMA

Animador: Miguel Angelo Mutton (UNESP_Jaboticabal)

08:00-09:30 — Manejo varietal

Valmir Barbosa (C.E.Santa Elisa)

Julio Marcos Campanhão (UNESP)

Dib Nunes (Consultor)

09:30-09:45 — Intervalo

09:45-11:15 — Manejo e qualidade da matéria prima

José Paulo Stupiello (STAB)

Osvaldo Alonso (CANAOESTE)

11:15-12:00 — Discussão do tema aberto para a platéia

Dia 28/06/2002 – Tarde

14:00-17:00 — WORKSHOP 5 – MANEJO DA COLHEITA E DOS RESÍDUOS

Animador: Victorio Laerte Furlani Neto (UFScar)

14:00-15:45 — Inovações Tecnológicas

Eduardo Cunali de Fellipe (CAMECO DO BRASIL)

Arnaldo Adans Ribeiro Pinto (SANTAL)

John Pearce (CASE IH)

15:45-16:00 — Intervalo

16:00-16:45 — Sistema de Colheita Mecanizada – Situação Atual e Evolução

Luiz Odilon Tinoco Cabral Lima (Green Cane Transportes)

16:45-17:30 — Uso e Manejo da Palha da Colheita Mecânica

Francisco Antônio Cabeça (Usina de Barra)

17:30-18:00 — Discussão do tema aberto para a platéia

Workshop Cana Crua reúne setor sucroalcooleiro em Jaboticabal (SP)

O Workshop Cana Crua experiência acumulada III que acontece de 26 a 28 de junho, na Unesp de Jaboticabal (SP), recebeu ontem cerca de 280 pessoas entre representantes do setor, empresários, técnicos de usinas e estudantes.

O evento é organizado pelo Departamento de Produção Vegetal da faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias — Unesp e a Sociedade dos Técnicos Açucareiros e Alcooleiros do Brasil — Stab.

O Workshop contou com a presença do consultor da União da Agroindústria de São Paulo — Unica, Luiz Carlos Corrêa Carvalho que falou das perspectivas do setor, seguido pelo pesquisador do Centro de Tecnologia Copersucar, Manoel Regis Verde Leal que lembrou do aproveitamento total da biomassa da cultura da cana.

O representante da Unica frisou que as perspectivas para o setor passam necessariamente pela abertura de novos mercados, como a Ásia e quebras de barreiras protecionistas nos Estados Unidos e União Européia. “Já no mercado interno seria necessário o mínimo de políticas públicas para o etanol, como por exemplo, o incentivo para a produção do carro a álcool, já que existe demanda. Os candidatos à presidência da república Lula, Serra e Garotinho já se manifestaram favoráveis à política do álcool”, lembra Carvalho.

Nestor Carlos de Oliveira, diretor do CTEQ apresentou as certificações ISO na agroindústria canavieira. Encerrando o dia, Manoel Ortolan, da CanaOeste abordou a legislação e cana queimada.

Programa:

Dia 27/06/2002 – Manhã

8:00-12:00 — WORKSHOP 2 – PLANEJAMENTO DE TALHÕES, MANEJO FÍSICO E QUÍMICO DO SOLO.

Animador: Ailto Antonio Casagrande (UNESP/Jaboticabal)

08:00-09:00 — Planejamento de talhões

Mario Ortiz Gandini (Usina São Martinho)

João Batista Saccomano (Usina São João)

09:00-09:30 — Sistemas de preparo do solo

Marcelo Siste Campos (Socicana)

09:30-10:15 — Sistemas de cultivo da cana soca

Antonio Claret Strini Paixão (Usina Santa Adélia)

10:15-10:30 — Intervalo

10:30-11:15 — Calagem e adubação da cana-de-açúcar

Nadir Almeida da Glória (Agroserv)

11:15-12:00 — Discussão do tema aberto para a platéia

Dia 27/06/2002 – Tarde

14:00-18:00 — WORKSHOP 3 – CONTROLE DE PLANTAS INVASORAS E PRAGAS

Animador: Leila Luci Dinardo-Miranda (CC/IAC)

14:00-15:30 — Manejo de plantas daninhas e sistemas de controle

Edivaldo Domingues Vellini (UNESP)

Marco Pitta Bidóia (Usina da Pedra)

15:30-15:45 — Intervalo

15:45-17:00 — Danos e Controle de pragas

Newton Macedo (UFScar)

José Eduardo M. de Almeida (Instituto Biológico)

17:00-18:00 — Discussão do tema aberto para a platéia

Dia 28/06/2002 – Manhã

8:00-12:00 — WORKSHOP 4 – VARIEDADES E QUALIDADE DA MATÉRIA PRIMA

Animador: Miguel Angelo Mutton (UNESP_Jaboticabal)

08:00-09:30 — Manejo varietal

Valmir Barbosa (C.E.Santa Elisa)

Julio Marcos Campanhão (UNESP)

Dib Nunes (Consultor)

09:30-09:45 — Intervalo

09:45-11:15 — Manejo e qualidade da matéria prima

José Paulo Stupiello (STAB)

Osvaldo Alonso (CANAOESTE)

11:15-12:00 — Discussão do tema aberto para a platéia

Dia 28/06/2002 – Tarde

14:00-17:00 — WORKSHOP 5 – MANEJO DA COLHEITA E DOS RESÍDUOS

Animador: Victorio Laerte Furlani Neto (UFScar)

14:00-15:45 — Inovações Tecnológicas

Eduardo Cunali de Fellipe (CAMECO DO BRASIL)

Arnaldo Adans Ribeiro Pinto (SANTAL)

John Pearce (CASE IH)

15:45-16:00 — Intervalo

16:00-16:45 — Sistema de Colheita Mecanizada – Situação Atual e Evolução

Luiz Odilon Tinoco Cabral Lima (Green Cane Transportes)

16:45-17:30 — Uso e Manejo da Palha da Colheita Mecânica

Francisco Antônio Cabeça (Usina de Barra)

17:30-18:00 — Discussão do tema aberto para a platéia

X