Vantagem no uso de etanol aumenta apesar do preço nas usinas

Apesar da alta dos preços do etanol hidratado ao produtor em 12,18% na última quinzena no estado de São Paulo, maior produtor brasileiro, o número de estados em que os preços do etanol praticados nos postos de combustível está mais vantajoso que a gasolina aumentou, de acordo com dados da Agência Nacional de Petróleo (ANP), compilados pelo AE-Taxas. A vantagem é calculada considerando que a potência energética do motor à álcool é de 70% dos motores à gasolina.

Segundo a média dos preços na bomba em cada estado brasileiro, o preço do etanol para o consumidor está vantajoso em 17 estados ante 16 na semana anterior. Para o consumidor, a vantagem da gasolina caiu de 11 para 10 estados brasileiros.

ultima = 0;

Saiba mais Serra anuncia investimento em pesquisas sobre bioenergia Fabricantes de equipamentos para etanol querem ajuda do governo Desembolso do BNDES para açúcar e álcool bate recorde Para analistas, petróleo abaixo de US$ 50 afeta exploração do pré-sal e etanol Lula diz que mundo se curvará ao biocombustível

Segundo o levantamento, os estados onde a vantagem do etanol é mais significativa são o Mato Grosso, São Paulo, Paraná, Espírito Santo, Tocantins, Mato Grosso do Sul, Bahia e Pernambuco. A gasolina continua mais vantajosa principalmente no Amapá, Roraima, Pará, Paraíba e Sergipe.

Na semana terminada em 21 de novembro, o preço médio do etanol caiu em 20 estados, subiu em 7 estados em relação à semana anterior. As maiores quedas foram registradas no Mato Grosso (-3,43%), Pernambuco (-3,12%), Ceará (-2,13%) e Bahia (-1,56%). As maiores altas foram registradas no Maranhão (0,95%), Rio de Janeiro (0,54%) e Pará (0,52%).

A ANP também informa que, nos últimos 30 dias, o preço médio do etanol nas distribuidoras recuou 2,98% enquanto o preço na bomba caiu apenas 0,2% na média do Brasil.

Vantagem no uso de etanol aumenta apesar do preço nas usinas

Apesar da alta dos preços do etanol hidratado ao produtor em 12,18% na última quinzena no estado de São Paulo, maior produtor brasileiro, o número de estados em que os preços do etanol praticados nos postos de combustível está mais vantajoso que a gasolina aumentou, de acordo com dados da Agência Nacional de Petróleo (ANP), compilados pelo AE-Taxas. A vantagem é calculada considerando que a potência energética do motor à álcool é de 70% dos motores à gasolina.

Segundo a média dos preços na bomba em cada estado brasileiro, o preço do etanol para o consumidor está vantajoso em 17 estados ante 16 na semana anterior. Para o consumidor, a vantagem da gasolina caiu de 11 para 10 estados brasileiros.

ultima = 0;

Saiba mais Serra anuncia investimento em pesquisas sobre bioenergia Fabricantes de equipamentos para etanol querem ajuda do governo Desembolso do BNDES para açúcar e álcool bate recorde Para analistas, petróleo abaixo de US$ 50 afeta exploração do pré-sal e etanol Lula diz que mundo se curvará ao biocombustível

Segundo o levantamento, os estados onde a vantagem do etanol é mais significativa são o Mato Grosso, São Paulo, Paraná, Espírito Santo, Tocantins, Mato Grosso do Sul, Bahia e Pernambuco. A gasolina continua mais vantajosa principalmente no Amapá, Roraima, Pará, Paraíba e Sergipe.

Na semana terminada em 21 de novembro, o preço médio do etanol caiu em 20 estados, subiu em 7 estados em relação à semana anterior. As maiores quedas foram registradas no Mato Grosso (-3,43%), Pernambuco (-3,12%), Ceará (-2,13%) e Bahia (-1,56%). As maiores altas foram registradas no Maranhão (0,95%), Rio de Janeiro (0,54%) e Pará (0,52%).

A ANP também informa que, nos últimos 30 dias, o preço médio do etanol nas distribuidoras recuou 2,98% enquanto o preço na bomba caiu apenas 0,2% na média do Brasil.

X