Usinas na Índia pressionam governo para aumento do valor de etanol para setor petrolífero

Sugar Factory_4C_--621x414 (1)Usinas na Índia pressionam o governo para elevação do preço do litro do etanol pago pelas companhias de petróleo, que utilizam o biocombustível na composição da gasolina.

As companhias de petrolíferas ligadas ao governo indiano pagam há sete anos 44 centavos de dólar por litro.  O setor sucroenergético articula reajuste neste preço para o mínimo de 71 centavos de dólar.

Segundo reportou o porta-voz das cooperativas do Estado de Maharashtra, com o reajuste será possível praticar melhores preços com fornecedores de cana-de-açúcar.

Atualmente o setor sucroenergético enfrenta dificuldades para pagar os produtores da matéria-prima, o que tem gerado tensão entre as duas categorias. Principalmente com a provável extinção dos subsídios à exportação de açúcar para esta safra.

Conforme anunciou o tabloide Economic Times, o governo indiano pretende elevar a atual mistura de 5% para 20%, como ferramenta para reduzir a importação do combustível fóssil e fortalecimento da indústria canavieira local.

X