Usinas farão credenciamento, afirma Unica

A União da Indústria de Cana-de-Açúcar estima que 95% das 180 usinas paulistas deverão aderir ao credenciamento proposto pelo fisco paulista, como forma de combater a sonegação de ICMS.

A partir de 1º de dezembro, a cana-de-açúcar em caule, que era isenta do imposto (ICMS diferido), passa a ser tributada. E as usinas e as distribuidoras de álcool serão obrigadas a fazer credenciamento na Fazenda paulista. Se não o fizerem, terão de pagar ICMS antes da venda.

Antonio de Padua Rodrigues, diretor da Unica, diz que a sonegação é “baixíssima” e que há inadimplência no pagamento de tributos porque as empresas tiveram dificuldade financeira nos últimos anos.

X