Usinas de cana da Odebrecht projetam moagem 6,2% maior

odAs 9 unidades produtoras de açúcar, etanol e bioeletricidade da Odebrecht Agroindustrial S. A. no Brasil deverão moer 6,2% mais cana-de-açúcar na safra 2016/17.

Segundo previsão da companhia sucroenergética do Grupo Odebrecht, a moagem na temporada vigente deverá alcançar 31 milhões de toneladas nas 9 unidades, que estão em 6 polos produtivos.

Leia também: Feira Agronegócios Copercana vai até sexta-feira em Sertãozinho 

No ciclo 15/16, as unidades da companhia chegaram a 29,2 milhões de toneladas.

Conforme a assessoria da Odebrecht Agroindustrial,  a moagem da 15/16 já tinha representado crescimento de 23% em comparação com a safra 2014/2015, quando foram moídas 23,8 milhões toneladas.

Produtos

Com  o resultado do ciclo 15/16 foram produzidos 2,1 bilhões de litros de etanol, sendo 1,4 bilhão de etanol hidratado e 700 milhões de etanol anidro, e 460 mil toneladas de açúcar. Além disso, 2,2 mil GWh de energia elétrica foram exportadas.

X