Unidade da Tonon é disputada por dois grandes grupos

A unidade produtora do Grupo Tonon em Bocaina (SP) é disputada por dois grandes grupos sucroenergéticos. Um deles é a Raízen, cujo interesse já foi divulgado na mídia e é negado pela empresa.

Leia mais: Unidades do Grupo Tonon estão no radar da Raízen

O outro grupo que pretende disputar a unidade é a São Martinho. Segundo fontes próximas a unidade, assim que os credores da Tonon autorizarem a venda da usina, a disputa pela compra será em clima de guerra.

Leia mais: Tonon Bioenergia recebe licença para ampliação

Raízen e São Martinho têm interesse não apenas logístico pela unidade da Tonon. Ela está localizada em área próxima de unidades dos dois grupos, mas há também a qualidade da própria unidade, que está em plena capacidade industrial.

“Em 30 dias é possível coloca-la em funcionamento”, revela, para o Infocana, especialista ligado a unidade.

Recuperação Judicial

A unidade terá nesta quarta-feira (5/4) nova assembléia que poderá aprovar o pedido de Recuperação Judicial da usina. Fontes acreditam que assim que o plano de RJ for aprovado os grandes grupos interessados avançarão nas negociações com os acionistas da usina.