Trading vê oferta maior de açúcar

A produção de açúcar no Centro-Sul em 2016/17 deve crescer 10%, para 34,2 milhões de toneladas, nas previsões da trading inglesa Czarnikow.

O número se baseia na tendência de que as usinas vão destinar mais caldo da cana para fabricar a commodity – 43,7%, ante 40,79% de 2015/16. Ainda, que a matéria-prima terá um teor de açúcar 1,9% maior, de 133,7 quilos por tonelada.

A moagem de cana em 2016/17 deve ser 1% menor, nas contas da Czarnikow, de 614 milhões de toneladas.

O número considera um processamento de 620 milhões de toneladas na safra 2015/16, na qual será inclusa a moagem do mês de março, conforme nova metodologia adotada pelo Ministério da Agricultura. Para a produção de etanol, a Czarnikow projetou um volume de 27,1 bilhões de litros na região Centro-Sul, sendo 16,1 bilhões de litros de hidratado e 11 bilhões de anidro.

Fonte: (Valor)

X