Trabalhadores do setor alagoano têm ganho salarial de 2,2%

Mais de 20 mil trabalhadores do setor sucroenergético alagoano receberão neste mês de novembro um reajuste salarial de 6,5%. O novo piso da categoria, definido entre os sindicatos dos Trabalhadores na Indústria do Açúcar e do Álcool e o sindicato que representa as unidades produtoras, o Sindaçúcar-AL, ficou estimado em R$ 561,00.

“As empresas do setor estão em dificuldades financeiras há mais de dois anos. Apesar disso, cedemos para atender a um apelo do sindicato dos trabalhadores”, explica Pedro Robério, presidente do Sindaçúcar-AL.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias de Açúcar de Alagoas, Jackson de Lima Neto, mais de 20 mil trabalhadores serão beneficiados com as conquistas. “O processo de negociação foi difícil, mas atingiu as expectativas, a média salarial ficou em torno de 900 reais com o estabelecimento do novo piso”, disse.

X