Subvenção ao Nordeste equivale ao preço da cana em SP

A garantia de preço mínimo para a tonelada da cana-de-açúcar processada na região Nordeste do país, recém anunciada pelo governo federal, terá valores próximos ao da tonelada paga ao produtor do estado de São Paulo. Entre os produtores paulistas, o preço da tonelada, conforme o método Consecana, está em R$ 40. Para o produtor nordestino, a subvenção de R$ 5,00 garantirá um preço de comercialização de R$ 40,92.

A Medida Provisória 449, publicada na edição desta quinta-feira (4) do Diário Oficial da União, sobre a renegociação dos débitos tributários da União, inclui a possibilidade de o governo federal conceder subvenção econômica para os produtores independentes do nordeste na safra vigente, que vai até março de 2009.

Pela medida, o governo garante um preço de comercialização e R$ 40,92 por tonelada e a subvenção está limitada em R$ 5 por tonelada e a 10 mil toneladas por produtor.

X