Soja

Os embarques futuros da soja foram negociados em alta de 2% no pregão de ontem da Bolsa de Chicago. As entregas para maio encerraram a 926 centavos de dólar por libra-peso, subindo 19 centavos no dia. As fortes chuvas previstas para a América do Sul podem comprometer o desenvolvimento da safra argentina e contribuíram para a alta das cotações. Além disso, a confirmação de que as vendas de soja e farelo norte-americanos para a Ásia não estão proibidas ajudou a manter os preços em altos patamares. No início da semana as exportações de frango norte-americano para a Ásia foram proibidas devido à gripe do frango.

Soja

Mais uma semana marcada pela volatilidade nos mercados de soja em Chicago. O mercado seguiu sem rumo definido. No início da semana passada, rumores sobre possíveis compras chinesas e clima no Brasil impulsionaram as cotações para cima. O relatório semanal do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos sobre a demanda de soja contribuiu para resfriar o mercado, pressionando negativamente os preços. (O Estado de SP)

X