Setor se reúne na próxima semana para discutir políticas ambientais

Acontecerá no dia 24 de outubro às 10h na Usina São Martinho em Pradópolis, a 2ª reunião da Câmara Ambiental do Setor Sucroalcooleiro. A primeira reunião aconteceu na última sexta-feira, onde também houve a implantação da Câmara Ambiental que é coordenada pela Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental — Cetesb, do Governo do Estado de São Paulo.

De acordo com Otávio Okano, gerente regional da Bacia do Mogi-Guaçu e Pardo, a Câmara terá caráter consultivo, para o estabelecimento de políticas do setor.

Entre os temas que serão discutidos estão “O impacto no solo e nas águas subterrâneas associado à produção de cana”, “Produção mais limpa nos processos industriais” e “Regulamentação da Lei das Queimadas”.

Participam da câmara, pelo setor produtivo, Unica, Copersucar, Orplana, Siaesp, Sindicato Rural de Ribeirão Preto, Apac – Associação dos Produtores de Açúcar e Aguardente de Catanduva, Fernacana – Federação dos Empregados Rurais do Setor Canavieiro, e a Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de São Paulo (Fetaesp).

Ainda haverá a participação da Cetesb, IPT, Fundacentro, Departamento de Meio Ambiente e Uso de Solo da Fiesp/Ciesp, Instituto Agronômico de Campinas, além da consultoria da Universidade de São Carlos, Faculdade de Saúde Pública da USP, Embrapa, Cenbio e Unesp de Araraquara.

X