Setor elege prioridades para melhorar o trabalho nos canaviais

Governo, trabalhadores e empresários do setor sucroalcooleiro do País definiram nesta quarta-feira (24), no Palácio do Planalto, em Brasília, DF, 18 temas prioritários que vão nortear o aperfeiçoamento das condições de trabalho nos canaviais brasileiros.

A Mesa de Diálogo, coordenada pela secretaria geral da Presidência da República, reuniu representantes da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), da Federação dos Empregados Rurais Assalariados do Estado de São Paulo (Feraesp), da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) e do Fórum Nacional Sucroalcooleiro.

Na próxima reunião, dia 8 de outubro, o grupo vai concentrar os diálogos com base nos temas: contrato de trabalho; saúde e segurança do trabalho; transparência na aferição da produção; alojamento; transporte; migração; escolaridade, qualificação e recolocação; remuneração; jornada de trabalho; alimentação; trabalho infantil e trabalho forçado; organização sindical/negociações coletivas; proteção ao desempregado, com atenção aos trabalhadores no corte manual no período de entressafra; responsabilidade sobre as condições de trabalho na cadeia produtiva; responsabilidade no desenvolvimento da comunidade; Programa de Assistência Social; trabalho por produção; trabalho decente e trabalho análogo ao escravo.

X