Setor deve ser visto como uma estrutura de capital, afirma Mizutani

Mizutani, da Raízen e da Unica

O currículo de Pedro Mizutani é um guia sobre como escalar profissionalmente até o topo de uma das principais corporações do Brasil e do setor: o Grupo Cosan. A subida começou meio que por acaso, logo após se formar engenheiro de produção, na capital paulista.

Leia mais: Por que Rubens Ometto foi eleito Sugar Man of the Year 2017

“Meu sonho era voltar para Ribeirão Preto (SP), onde nasci e estagiar na extinta Zanini, na época referência na fabricação de equipamentos industriais. Mas não consegui a vaga. Porém, no último dia de aula da faculdade, percebi que na lousa da sala a divulgação de uma vaga na Usina Costa Pinto, em Piracicaba (SP). Me candidatei imediatamente sem saber o que me esperava. E foi assim que tudo começou”.

Leia mais: Quem é a maior comercializadora de açúcar e etanol e por que ela foi premiada

Mizutani concedeu entrevista ao JornalCana para a coluna Quem é Quem no Setor. Dentre outros assuntos, Mizutani fala sobre a importância de os executivos enxergarem as usinas como estruturas de capital. A entrevista completa pode ser lida clicando aqui.

Leia mais: Entenda como a carbonatação no processo de produção de açúcar fez do Ingenio Aguaí o Sugar Mill of the Year

A larga experiência de Mizutani, que é atual presidente da Unica e, o fato de ter se tornado um dos mais expressivos porta-vozes do etanol como canal para que o Brasil cumpra seus compromissos definidos durante a COP 21, foi o critério primordial para que o comitê julgador do Prêmio MasterCana o elegesse Líder do Ano.

Leia mais: Conheça a produção sustentável que premiou o Grupo Pantaleon

O executivo estará presente no evento de entrega do troféu, que acontece no dia 6 de novembro, na Vila Bisutti, em São Paulo, capital.

Mais informações:

Prêmio MasterCana Award

Data: 6 de novembro de 2017

Horário: 19:30

Local: Casa Villa Bisutti – São Paulo (SP)

Contato: rose@procana.com.br – (16) 99153-8690

www.mastercana.com.br/award

X