Senado dos EUA põe em xeque Alca e OMC

O Senado dos EUA deu um golpe no futuro das negociações na Organização Mundial de Comércio (OMC) e na Área de Livre Comércio das Américas (Alca) ao manter uma emenda que retira do presidente americano o poder de assinar acordos comerciais sem que o Congresso os modifique. A emenda contraria o princípio da autorização para promoção de comércio (TPA, na sigla em inglês), antes conhecida como “fast track” ou via rápida), pedida pelo presidente George W. Bush. Ele deve vetar a emenda, que amarra as mãos dos negociadores americanos na OMC e na Alca, sobretudo na questão do antidumping. (Gazeta Mercantil)

X