Secagem de levedura pode gerar lucros adicionais de 65 milhões de reais em 10 anos

Glycon Santos, da ICC Leveduras

A levedura gerada durante o processo de fermentação alcoólica tornou-se um valioso produto para nutrição animal. Nos últimos anos, as leveduras foram reposicionadas como um aditivo funcional, melhorador da saúde intestinal, trazendo benefícios em todas as espécies de animais, e por isso a levedura tem encontrado um mercado aquecido em todo o mundo.

Um estudo recente demonstrou que a secagem de levedura para um grupo de usinas que produz 270 milhões de litros de etanol/ano pode gerar o faturamento bruto anual de R$12 milhões e um lucro líquido anual, de R$8,5 milhões, já descontadas as despesas com vapor e energia elétrica. Em 10 anos, após a amortização dos equipamentos, o projeto pode gerar lucro líquido de R$65 milhões.

É o que garante Glycon Santos, CEO da ICC, uma ¬¬multinacional brasileira com filiais em 5 países, incluindo China, Índia, EUA e Inglaterra, que exporta leveduras para mais de 50 países. “O mercado para o etanol é muito competitivo, com margens de lucro estreitas, por isso entendemos que a secagem da levedura que é gerada durante o processo de fermentação é uma forma imprescindível de incrementar receita e lucratividade às unidades produtoras de etanol.

Leia a matéria completa, clicando aqui.