Safra menor na Índia deve elevar preços do açúcar

Os preços futuros do açúcar deverão subir 36% no mercado internacional, atingindo o patamar mais alto de 29 anos, impulsionados pela quebra da safra da Índia, que tem sido prejudicada por uma seca, forçando o país a importar o produto pelo terceiro ano consecutivo, informou a Bajaj Hindusthan Ltd., o maior produtor indiano, às agências internacionais.

Os preços deverão atingir 30 centavos de dólar por libra-peso depois de março de 2010, à medida que o país dobrar as importações, para até 7 milhões de toneladas no ano-safra que termina em 30 de setembro, disse o diretor-executivo Kushagra Nayan Bajaj. Em julho, Bajaj previu corretamente que o açúcar chegaria a 25 centavos de dólar.

Se atingir 30 centavos de dólar por libra-peso, será o nível mais alto desde janeiro de 1981. Em 30 de setembro, o preço chegou a 25,43 centavos de dólar, o mais alto de 28 anos. A expectativa é de que a produção da Índia ficará abaixo da demanda em 7,5 milhões de toneladas pelo segundo ano consecutivo na safra 2009/10, afirmou Vinay Kumar, diretor-executivo da National Federation of Cooperative Sugar Factories Ltd., em uma apresentação em Londres.

Safra menor na Índia deve elevar preços do açúcar

Os preços futuros do açúcar deverão subir 36% no mercado internacional, atingindo o patamar mais alto de 29 anos, impulsionados pela quebra da safra da Índia, que tem sido prejudicada por uma seca, forçando o país a importar o produto pelo terceiro ano consecutivo, informou a Bajaj Hindusthan Ltd., o maior produtor indiano, às agências internacionais.

Os preços deverão atingir 30 centavos de dólar por libra-peso depois de março de 2010, à medida que o país dobrar as importações, para até 7 milhões de toneladas no ano-safra que termina em 30 de setembro, disse o diretor-executivo Kushagra Nayan Bajaj. Em julho, Bajaj previu corretamente que o açúcar chegaria a 25 centavos de dólar.

Se atingir 30 centavos de dólar por libra-peso, será o nível mais alto desde janeiro de 1981. Em 30 de setembro, o preço chegou a 25,43 centavos de dólar, o mais alto de 28 anos. A expectativa é de que a produção da Índia ficará abaixo da demanda em 7,5 milhões de toneladas pelo segundo ano consecutivo na safra 2009/10, afirmou Vinay Kumar, diretor-executivo da National Federation of Cooperative Sugar Factories Ltd., em uma apresentação em Londres. Para 2010/11, a expectativa é de que a produção da Índia aumente 63%, para 26 milhões de toneladas.

X