Safra do MS cresce mais de 50%

Apesar de ter duas usinas com perspectiva de moer até março, a safra 2010/2011 do Mato Grosso do Sul está praticamente fechada. Mesmo com uma produção menor do que a estimada em 38 milhões de toneladas, a produção de 33,3 milhões de toneladas produzidas até a primeira quinzena de janeiro, alavancou o estado. Esse volume representa um aumento de 52,23% na produção de cana de açúcar comparada com o período da safra anterior.

Roberto Hollanda Filho, presidente da Biosul – Associação dos Produtores de Bioenergia de Mato Grosso do Sul, explica que o estado está entre os cinco maiores do Brasil, mas entre esses, foi o que mais cresceu em 2010. “Apesar da produção do estado ser menor do que Minas, Goiás e Paraná, a tendência é estar junto aos maiores produtores, com média de 50 milhões de toneladas”, frisa Hollanda.

Confira matéria completa na próxima edição da Revista Energia Mundo.

X