[Relatório Unica] Moagem está 3% menor; safra segue alcooleira

A produção acumulada da safra 2014/15 no Centro-Sul até o dia 30 de novembro apresentou redução na moagem de cana-de-açúcar em 3% em relação à safra anterior. Segundo o relatório quinzenal da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) a região acumula 554,09 milhões de toneladas, redução de 3% em comparação com as 571,2 milhões em 2013/14.

A redução da moagem é maior quando comparado apenas o período desta quinzena, no qual 15,75 milhões de toneladas foram processadas, decréscimo de 39,53% em relação ao mesmo período do ano passado, quando 26.043 milhões de toneladas foram processadas. Conforme anuncio da Unica, as chuvas atrapalharam a colheita nesta etapa final influenciando na decisão de algumas usinas em adiar a operação para o início de dezembro. Outro importante fenômeno é a elevada quantidade de usinas que anteciparam o encerramento da safra, 136 já deixaram de moer, número 53,67% maior em relação a 2013/14, quando 73 usinas interromperam as atividades.

Dos produtos da agroindústria, apenas os etanóis encerram o período com acumulado superior ao ano anterior (3,54%), com destaque para o hidratado. Foram produzidos 14,58 bilhões de litros, alta de 6,12%.  O tipo anidro teve acréscimo de 0,18% na produção, fechando em 10,6 bilhões de litros. A produção do biocombustível na quinzena acompanha a baixa moagem e encerrou com queda de 28,79%.

Até o final de novembro a safra brasileira registrou queda produtiva do açúcar, seu acumulado está 4,9%. Foram produzidas 31,5 milhões de toneladas, em 2013/14 a produção atingiu 33,12 milhões. Nesta quinzena o comparado teve variação negativas de 46,79%, com produção de 762,23 mil toneladas.

A quantidade de Açúcares Totais Recuperáveis (ATR) está maior, no acumulado subiu 2,66%, fechando em 137,14 kg por tonelada. Número de mesmo valor para a quinzena, o que possibilitou alta de 4,33%.

unica2qd

X