Queda da cana reforça baixa do PIB de Goiás

caO Produto Interno Bruto (PIB) do estado de Goiás registrou queda de 2,6% em 2015, segundo o Instituto Mauro Borges de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (IMB), da Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan).

Conforme o IMB, a culpa da queda do PIB goiano é das crises econômica e política, registradas no País nos últimos dois anos, com agravamento em 2015.

Mas o saldo negativo do PIB também reflete o desempenho ruim dos setores que compõem o Produto Interno Bruto, principalmente no último trimestre de 2015.

Segundo o IMB, a produção de cana-de-açúcar no estado de Goiás recuou 0,4% em 2015, e isso ajudou a puxar para baixo o desempenho da agropecuária local. A culpa foi das condições climáticas adversas.

Além da cana, também registraram queda a produção de produção de soja (-3,8%), cultura de grande importância na pauta das exportações goiana, do algodão (-40,8%), e do tomate (-16,7%).

Mesmo diante o resultado, de acordo com as primeiras estimativas do IMB/Segplan, mais de R$ 166,85 bilhões circularam pela economia goiana, contra os R$ 159,16 bilhões do ano anterior. (Com informações da Agência Goiás Agora)

 

X