Projeto que muda ICMS deixa etanol mais competitivo em MG

etanol-combustível-postoO Estado de Minas Gerais caminha para deter o maior diferencial tributário do país entre etanol hidratado, que é usado diretamente no tanque dos veículos, e a gasolina. A Assembleia Legislativa mineira deve votar nesta semana o Projeto de Lei (PL) 5494 de autoria do governador do Estado, Alberto Pinto Coelho (PP), que reduz a alíquota de ICMS do etanol hidratado de 19% para 14%, e eleva a da gasolina, dos atuais 27% para 29%. Com isso, o diferencial entre o ICMS dos dois combustíveis ficará em 15%. Hoje, o Estado de São Paulo tem o maior diferencial (13%), com o hidratado sendo tributado no Estado em 12% e a gasolina, em 25%. Atualmente, o preço do etanol equivale a 72% do preço da gasolina em Minas Gerais.

(Fonte: Valor Econômico)

X