Produtores repudiam a indiferença com açúcar

Os empresários do setor sucroalcooleiro repudiaram a atitude do governo federal de não contestar os subsídios para o açúcar, sobretudo dos agricultores da União Européia e do Chile. As declarações do embaixador José Botafogo Gonçalves, na Argentina, de que “não há interesse em insistir na abertura do maior mercado argentino” para o açúcar também criou um grande mal-estar entre os executivos do setor sucroalcooleiro do País. “Esta resistência do Itamaraty em não contestar os subsídios para o açúcar só prejudica o País, o que reflete em menor divisas e na redução de empregos no setor”, diz Eduardo Pereira de Carvalho, presidente da União da Agroindústria Canavieira do Estado de São Paulo (Unica). Para Pereira de Carvalho, “falta vontade política para defender os interesses do Brasil no exterior” e essa atitude de indiferença do governo mostra que eles aprovam a “tese dos inimigos”. (Gazeta Mercantil)

X