Preço do açúcar fica estável no mercado interno

Os negócios envolvendo açúcar no mercado interno foram baixos, em função da forte instabilidade dos mercados nos últimos dias, com as perdas acentuadas do açúcar em Nova York e Londres e o dólar atingindo R$ 2,38, um dos patamares mais altos do ano.

As usinas tentaram fazer algumas vendas de açúcar, de forma discreta, mas tentando não pressionar o mercado, segundo a consultoria Safras&Mercado. Os compradores também seguem sem muita coragem de realizar aquisições relevantes no momento. O mercado spot seguiu com indicações na casa dos R$ 31,00 a R$ 31,50/saca de açúcar cristal na região de Ribeirão Preto, praticamente estável na comparação com a semana passada.

Segundo relatório da Archer Consulting, o mercado de açúcar continuou sofrendo as influências negativas da crise financeira global e do dólar mais forte. Na semana passada, os preços recuaram em média US$ 16 por tonelada.

Embora os fundamentos continuem positivos, a falta de crédito e o medo de recessão mundial amedrontam os compradores. O câmbio vai fazer a diferença. O real se desvalorizou frente ao dólar 40% em 12 meses.

X