Nove usinas têm início das operações adiado por crise

Das 35 novas usinas que deveriam entrar em operação na safra 2008/09 do Centro-Sul, cerca de nove unidades devem ter seu início adiado já em função da crise de liquidez que vem deixando o mercado descapitalizado nos últimos meses e se agravou nas últimas duas semanas. Segundo o consultor Plínio Nastari, presidente da Datagro, destas 35 novas usinas, 22 iniciaram suas operações, sendo que 4 confirmaram a postergação de seu início. “Dificilmente estas nove unidades restantes começarão o processamento de cana no final da safra”, afirma.

Tradicionalmente, a moagem no Centro-Sul se estende de abril até final de novembro. Ele afirma que a falta de liquidez neste mercado também pode ser identificada pelo fato do maior crescimento da produção e do rendimento industrial estar vindo do Estado de São Paulo. “Os demais Estados do Centro-Sul que concentram o maior número de novos projetos estão apresentando um resultado bem aquém do esperado em função do adiamento de projetos”, disse.

Segundo Nastari, no Estado de São Paulo, a produção acumulada de etanol na safra 2008/09 até 16 de setembro cresceu 18,38% enquanto nos demais Estados da região Centro-Sul o crescimento foi de 9,18%. Na produção de açúcar, enquanto São Paulo apresentou queda na produção de 2,06%, os demais Estados caíram 9,17%. O processamento de cana cresceu, no período, 9,16% em São Paulo e apenas 5,27% nos demais estados da região.

O consultor ressalta que o mais crítico tem sido a oferta de ATR, que aumentou 8,5% em São Paulo e apenas 1,69% nos demais Estados. “Esta menor oferta nos demais Estados do Centro-Sul é resultado do impacto da postergação de novos projetos, que estão todos concentrados nas fronteiras da cana. Em São Paulo, onde as instalações já são operacionais, o crescimento é maior”.

Segundo Nastari, os preços baixos do açúcar e do etanol registrados nos últimos dois anos aliado ao fato do setor ter se endividado para aumentar seus investimentos e atender o crescimento da demanda fez com que o setor ficasse mais descapitalizado. Segundo ele, a crise de liquidez chegou num momento em que o setor sucroalcooleiro está alavancado financeiramente, precisando prorrogar suas operações e sem recursos. Isto pode afetar a produtividade da safra 2009/10 que começa no mês de maio.

X