Noble Group investe em usina no município de Meridiano, SP

A nova usina do Noble Group, que está sendo implantada em Meridiano, SP, deverá iniciar as operações na safra 2010/11. A unidade, que ganhou o nome do município, terá capacidade anual para produzir 200 milhões de litros de álcool, 240 mil tonelada de açúcar e 280 mil MW de energia.

A usina vai cotar com duas caldeiras para cogeração, cada uma com capacidade para produzir 200 toneladas de vapor/hora e 67 kgf/cm² a 520ºC. O início das operações da primeira caldeira está previsto para julho de 2009. A segunda está programada para março de 2010.

A destilaria terá capacidade para produzir 800 mil litros de etanol por dia. A usina terá um difusor com capacidade modular diária para processar 15 mil toneladas de cana, além de um terno de moenda desaguadora e um terno de moenda secadora.

A colheita será 100 % mecanizada. A empresa estima a geração de 800 empregos diretos e 2 mil indiretos direcionados a obras e conjunto corporativo. A usina ficará numa área de 30 alqueires, doada pela prefeitura, entre os municípios de Valentim Gentil e Meridiano.

O Noble Group é uma multinacional com sede em Hong Kong, que participa da cadeia de abastecimento global de metais, minerais, energia e produtos agrícolas. Além disto conta com 100 escritórios, distribuídos em mais de 40 países, empregando 10 mil funcionários no mundo, sendo três mil no Brasil.

Em 2007, o grupo adquiriu a Usina Noroeste Paulista (antiga Usina Petribu Paulista), em Sebastianópolis do Sul, SP. Com investimentos no aumento da capacidade da destilaria, a unidade estima processar este ano 2,8 milhões de toneladas de cana-de-açúcar (um milhão a mais do que a safra 2007/08) para produzir 77 milhões de litros de etanol e 120 mil toneladas de açúcar.

X