MST realiza novas ações em Pernambuco

Quatro caminhões carregados com gêneros alimentícios foram saqueados

na madrugada desta terça-feira por cerca de 100 agricultores ligados ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST). O saque aconteceu no município de Goiana, Zona da Mata Norte pernambucana. De acordo com as primeiras informações, os caminhões foram desviados de sua rota e um dos veículos, carregado com macarrão e bolachas, foi saqueado. Os agricultores estão localizados em três acampamentos da Zona da Mata.

A medida foi justificada sob a forma de protesto contra o governo

federal que não teria cumprido um acordo de enviar cestas básicas para os trabalhadores. Um agricultor foi detido pela polícia que está acompanhando a movimentação no local. Os conflitos e invasões de propriedade na região da Zona da Mata, onde se concentra a produção canavieira estadual, vêm se intensificando nas últimas semanas. Na semana passada foram registradas cerca de 15 invasões a propriedades rurais.

Na região Agreste do estado cerca e 500 integrantes do MST estão

bloqueando bloqueiam um trecho da BR-232, próximo ao município de São

Caetano. Eles ameaçam saquear os caminhões carregados com comida caso na haja negociação com os prefeitos das cidades de Caruaru, Agrestina e São Caetano. De acordo com informações da Rádio Liberdade, de Caruaru, o congestionamento na rodovia já chega a cerca de 6 quilômetros. Eles reivindicam 500 cestas básicas, medicamentos, mil metros de lona e abastecimento d’água através de carros-pipa.

X