MS ganha mais uma usina de etanol

Campo Grande será sede de um novo empreendimento do setor sucro-alcooleiro, com previsão para início das construções no segundo semestre do ano que vem próximo à BR-163, saída para Nova Alvorada do Sul, área rural de Campo Grande.

A usina, que pertence ao grupo Campo Grande Agroenergia S.A, vai gerar cerca de 1,3 mil empregos diretos e 2 mil empregos indiretos, totalizando 3,3 mil novos empregos.

Com investimentos aproximados de R$ 300 milhões para a área industrial e fertirrigação, a usina deve atingir área plantada de 38 mil hectares e uma moagem de 3 milhões de toneladas de cana-de-açúcar no ano de 2012, com produção de aproximadamente 270 milhões de litros de etanol e geração de 68 MW de energia limpa e renovável para consumo.

A empresa, preocupada com questões ambientais, implantou um Programa de Controle Ambiental e fiscalização das atividades de implantação das obras e canaviais. Para o combate à poluição, serão usados equipamentos e práticas conservacionistas de última geração, filtros úmidos nas chaminés das caldeiras para controle das emissões de gases, além da eliminação das queimadas, pela colheita mecanizada da cana crua.

A região de Campo Grande foi escolhida pelo grupo por possuir ótimas condições de clima e solo para a produção agrícola e também para o escoamento da produção. O início das atividades está previsto para 2010.

Na próxima semana, dia 07 de novembro, será realizada uma Audiência Pública para apresentação do Rima (Relatório de Impacto Ambiental), referente ao licenciamento ambiental da usina. A Audiência tem como objetivo apresentar os estudos realizados sobre os impactos ambientais e sociais do empreendimento.

A Audiência será realizada no dia 07/11, a partir das 19h, no Auditório do Sindicato Rural de Campo Grande, localizado na rua Raul Pires Barbosa, 116, bairro Miguel Couto, em Campo Grande.

X