Média de embarques cresce 28,8% em agosto

A média das exportações no mês de agosto atingiu US$ 494,7 milhões, o que representa um crescimento de 20,1% quando comparada com agosto do ano passado. Os embarques de produtos básicos cresceram 28,8%, atingindo US$ 173,7 milhões, com destaque para petróleo em bruto, café em grão e minério de ferro.

Na seqüência, destacaram-se os produtos manufaturados, com alta 18,7%, de US$ 213,4 milhões para US$ 253,3 milhões. A categoria foi influenciada por aparelhos transmissores e receptores, açúcar refinado, veículos de carga. Já os semimanufaturados mantiveram-se estáveis (-0,7%, de US$ 55,2 milhões para US$ 54,8 milhões).

No entanto, na comparação com julho houve queda de 6,1% (de US$ 526,7 milhões para US$ 494,7 milhões). Houve retração nas vendas das três categorias de produtos: semimanufaturados (-18,5%), básicos (-5,2%) e manufaturados (-5,0%).

Nas importações, a média diária até a quarta semana de agosto foi de US$ 321,9 milhões, 26,0% acima da média de agosto do ano passado. Ampliaram-se os gastos com siderúrgicos (+48,0%), combustíveis e lubrificantes (+37,3%), veículos automóveis e partes (+35,6%).

Em relação a julho/2005, ampliaram-se as aquisições de combustíveis e lubrificantes (+33,0%) e aeronaves e peças (+25,4%), entre outros.

X