Mecanização: Usinas adotam tecnologia de ponta em SP

img4831

As usinas São Martinho, de Pradópolis, e a Santa Adélia, de Jaboticabal, interior paulista adotaram os simuladores de colheita, uma ferramenta importante de treinamento para os operadores, que deixarão o facão e adotarão as máquinas colhedoras em suas atividades diárias de trabalho. Isso porque segundo informação da Unica, 2013 será o último ano em que será permitido o uso do fogo controlado para realizar a colheita da cana em áreas com declividade inferior a 12 graus no Estado de São Paulo. O diretor Técnico da entidade, Antonio de Padua Rodrigues, explica que o simulador, fabricado pelas empresas Case IH e John Deere, semelhante aos usados pelos pilotos de avião, é um recurso importante no processo de requalificação de uma mão-de-obra cuja atividade já foi mecanizada em 65,2% dos canaviais paulistas.

“Esta inovação tecnológica é um resultado direto do compromisso das usinas com a produção sustentável, requalificando mão de obra rural e cumprindo todas as metas estabelecidas no Protocolo Agroambiental, que prevê o fim da queima da palha de cana em áreas planas em 2014, e em 2017 nas com inclinação superior a 12 graus,” observa Rodrigues em nota da Unica. 

Padua acredita que os novos simuladores desenvolvidos no Brasil podem acelerar o aprendizado dos futuros operadores do equipamento.

X