Jamaica adota mistura de 10% de etanol de cana à gasolina

Desde o dia 1º de novembro, parte dos veículos que rodam na Jamaica passou a utilizar a mistura de 10% de etanol (E10) à gasolina vendida naquele país. A medida adotada pela Petrojam (Companhia de Petróleo da Jamaica) vai gerar uma economia de US$ 52 milhões por ano até 2010, segundo o governo jamaicano, por conta da redução nas importações de petróleo.

A mistura o etanol, que substitui o uso do éter metil-ter-butílico (MTBE), será implantada em etapas. Na primeira fase, o E10 estará disponível em postos de serviços nas regiões central e leste da ilha. Na parte oeste, o combustível será distribuído no final do primeiro trimestre de 2009, através do terminal Montego Bay, que está sendo construído pela Petrojam. O E10 será distribuído no país todo até maio do ano que vem.

Pela Política Nacional de Energia da Jamaica, a refinaria estatal deverá adotar a mistura de 15% de etanol à gasolina, nos próximos cinco anos. De acordo com o Ministro da Energia, Clive Mullings, a medida vai ajudar a reduzir a dependência do país sobre os combustíveis fósseis, que no último ano correspondeu a US$ 2 bilhões. Até 2017, o governo pretende reduzir em 50% as importações de petróleo.

A produção jamaicana de etanol, destinada ao transporte rodoviário, é estimada em 7% do consumo energético total. O governo espera que o índice atinja 12% até 2017. Para o representante-chefe da Unica (União da Indústria de Cana-de-Açúcar) na América do Norte, Joel Velasco, a Jamaica é um exemplo típico do que a entidade defende.

“Trata-se de um país que cultiva a cana-de-açúcar, já produz etanol e agora vai usá-lo para reduzir sua conta de importação de petróleo, que é elevada, além de diminuir as emissões de CO2”, disse Velasco. A nova mistura vai garantir aos motoristas jamaicanos uma economia de US$ 2 dólares por litro de combustível.

Além do E10 ser considerado um melhor combustível para o transporte e na redução de gases de efeito estufa, os investimentos esperados para expandir a indústria jamaicana de etanol devem incrementar a infra-estrutura do setor e gerar novos empregos. A Jamaica possui 541 mil veículos, dos quais 90% são movidos à gasolina.

X