Insetos que pesam na balança

A necessidade que o Brasil tem de exportar mais produtos para melhorar a balança comercial poderá esbarrar em alguns pequeninos detalhes, às vezes microscópicos, que são as pragas. Países como Inglaterra, Alemanha, França, Austrália e Estados Unidos, por exemplo, proíbem a entrada de mercadorias que não tenham tratamento fitossanitário. Esses países sofrem na carne os prejuízos causados por insetos. O impacto econômico provocado chega a US$ 198 bilhões, de acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU).(Jornal do Commercio)

X