Indústria de base do setor conquista Prêmio Von Martius com sua Usina Sustentável

A Dedini S/A Indústria de Base é a grande vencedora da 11ª edição do Prêmio Von Martius de Sustentabilidade na categoria Tecnologia. Criado pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha, o prêmio busca dar reconhecimento a projetos de todo o País que promovam o desenvolvimento socioeconômico e cultural, alinhado ao conceito de sustentabilidade.

Em cerimônia realizada nesta quinta-feira (25/11) na sede do Club Transatlântico, em São Paulo, os executivos da Dedini foram receberam o título que deve contribuir para balizar o País no posto de líder mundial do setor, sensibilizando governos mais críticos em relação à viabilidade do etanol brasileiro, especialmente de países como Europa e EUA.

Para o Vice-Presidente de Tecnologia e Desenvolvimento da Dedini, José Luiz Olivério, esta conquista vem reconhecer anos de pesquisa e dedicação em um projeto que deve servir de base para o reconhecimento definitivo do etanol como alternativa viável de combustível limpo em todo o planeta: “Buscamos soluções que atendam à viabilidade econômica e a sustentabilidade social e ambiental. A Usina Sustentável Dedini (USD) está totalmente em linha com este tripé e tenho certeza que a partir de agora os projetos envolvendo combustíveis derivados da cana vão aperfeiçoar cada vez mais suas qualidades ambientais”, conclui Olivério.

A Usina Sustentável Dedini (USD) produz seis bio-produtos (bioaçúcar, bioetanol, bioeletricidade, biodiesel, biofertilizante e bioágua) emitindo zero resíduos, zero efluentes, zero odores, zero água de mananciais e com emissões mínimas de CO2.

X