Indonésia deve importar 2,8 milhões de toneladas de açúcar

carl-de-keyzer-indonesia-01n.002O governo da Indonésia deve liberar para 2015 a entrada de 2,8 milhões de toneladas de açúcar para suprir a demanda interna, originada pelas refinarias locais.

O número é resultado da estimativa de uso do tipo refinado, em 2014, pela industrial de alimentos e bebidas de aproximadamente 2,6 milhões de toneladas, divulgado nesta segunda-feira, 15, pelo diretor geral de comércio exterior do Ministério de Comércio, Partogi Pangaribuan.

Este ano fornecedores de cana-de-açúcar de 15 províncias do país foram prejudicados pela oferta excessiva de açúcar, resultando na redução da cota de importação para 3 milhões de toneladas e redução do preço da matéria-prima.

No momento o país realiza uma auditoria para obter a real demanda do produto no mercado doméstico. A preocupação do governo é controlar a entrada excessiva de açúcar e abastecer a indústria de maneira contínua. O país é o maior consumidor da commodity no Sudeste asiático.

X