Grupo Cosan investe R$ 5 milhões na marca Da Barra

O Grupo Cosan está investindo R$ 5 milhões para colocar em evidência a marca de açúcar Da Barra. A estratégia da empresa é manter a marca viva na lembrança do consumidor para depois investir em novos produtos para o varejo.

A agência Ogilvy foi contratada para criar a campanha publicitária da Cosan, que começa no próximo domingo – com comerciais na TV na Rede Globo – e a partir de segunda-feira, com inserções nas rádios. A campanha deve durar cinco meses.

Este foi o primeiro investimento da mídia feito para o açúcar Da Barra depois de dez anos. “Não queremos aumentar no nosso market share no mercado, mas fortalecer a marca”, disse ontem o empresário Rubens Ometto Silveira Mello, presidente do grupo.

Maior produtor e exportador de açúcar do Brasil, o Grupo Cosan agora quer ampliar sua presença no varejo. A entrada do grupo neste segmento aconteceu no ano passado, com a aquisição da Usina Da Barra, de Barra Bonita (SP). Com a compra, o grupo também abocanhou 20% de participação no varejo com a venda do açúcar cristal e refinado, álcool gel e líquido e achocolatado.

O grupo vai contratar uma equipe de executivos para investir no varejo. A marca Da Barra será o carro-chefe. Segundo Silveira Mello, toda a estratégia será traçada em 2003 para entrar em prática em 2004.

No ano passado, o grupo fechou com faturamento de R$ 1,8 bilhão. A companhia produziu 800 milhões de litros de álcool e cerca de 2 milhões de toneladas de açúcar, das quais 500 mil toneladas foram destinadas ao mercado doméstico e, o restante, para o exterior.

A expectativa é de que o grupo aumente o faturamento em 30%, para R$ 2,4 bilhões em 2003, como reflexo das aquisições realizadas no ano passado. Além da Barra, o grupo adquiriu a Sinhá Junqueira, também em São Paulo.

A forte presença do grupo no Estado de São Paulo – são 12 usinas no total -, com um canal de distribuição estratégico, será uma das vantagens no investimento no varejo. O grupo pretende utilizar sua atual infra-estrutura para aumentar sua participação no mercado doméstico.

X