Grupo Balbo comemora sucesso do açúcar orgânico

Em 1987, um projeto pioneiro começou a ser desenvolvido na Usina São Francisco, do Grupo Balbo, em Sertãozinho, SP. Mais de duas décadas depois, os principais órgãos certificadores internacionais reconhecem esse trabalho como o maior empreendimento de agricultura orgânica do mundo. A usina produz hoje cerca de 20% do total de açúcar orgânico fabricado no planeta.

O caminho não foi fácil. Conceber, nos anos 80, um mercado para este tipo de açúcar seria uma aventura, não fosse a “teimosia” de um empresário que já tinha bem definidos os conceitos de sustentabilidade e respeito ao meio ambiente. Leontino Balbo Júnior, que herdou a disciplina e o talento empresarial da família, liderou o projeto Cana Verde, uma nova filosofia de produção açucareira, do preparo da terra para o plantio, às gôndolas dos supermercados.

O projeto exigiu investimentos de US$ 6 milhões. O objetivo principal era o desenvolvimento de um sistema auto-sustentável de produção de cana-de-açúcar, baseado na busca da total manifestação do potencial ecológico e conservacionista desta cultura. Após uma década de pesquisas, de 1987 a 1997, a Usina São Francisco recebeu o certificado de produtor orgânico.

Leia a matéria completa na edição de novembro do JornalCana

X