Governo brasileiro já admite ficar de fora da Alca

O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Sérgio Amaral, admitiu pela primeira vez que a Alca (Área de Livre Comércio das Américas) poderá ser constituída sem o Brasil. O ministro condicionou a inclusão do país no bloco regional ao fim das restrições à entrada de produtos brasileiros no mercado norte-americano. “Nós precisamos nos preparar também para a hipótese de não haver essas negociações [da Alca]. Porque, a julgar pelas últimas medidas dos Estados Unidos, como o TPA [Trade Promotion Authority], o aço e o “farm bill”, talvez os Estados Unidos tenham mais dificuldades do que nós para colocar as verdadeiras questões sobre a mesa.E se não forem postas, não há razão para que nós concluamos esse acordo”, afirmou o ministro. (Folha de SP)

X