Fusões e aquisições aumentam 29% no país; índice no setor será pequeno em 2013

Um estudo revela que o mês de abril registrou recorde nas fusões e aquisições no país. Tanto é que no acumulado de 2013, foram anunciados 257 negócios, um incremento de 29% em relação ao mesmo período do ano anterior. “Esse resultado é o melhor registrado desde 2002 para o período, já que as últimas médias verificadas entre janeiro e abril eram de até 248 transações”, revela a PwC Brasil, responsável pela pesquisa. Depois do ápice de fusões e aquisições à partir de 2010, as atuais perspectivas para o setor sucroenergético são pequenas na atualidade, segundo o banco Itaú BBA, revelado em fevereiro último. Para Alexandre Figliolino, diretor comercial do Itaú BBA, existe um desalinhamento natural da expectativa de preço de quem poderia vender com a expectativa de preço de quem poderia comprar e isso inibe os negócios.

Segundo a empresa PwC, o setor de Tecnologia da Informação (TI) representou 17,5% do total de transações em 2013, com 45 negócios anunciados. “Mas o perfil de fusões e aquisições continua sendo multissetorial, já que aparecem transações também nos setores de serviços auxiliares, varejo, alimentos, mineração, bancos, construção, químico e petroquímico e ainda serviços públicos”, diz o relatório.

O relatório explica que o número de fusões e aquisições no Brasil cresceu 5,8% em abril deste ano em relação a igual período de 2012. Ao todo, foram registradas 74 transações.

Setor sucroenergético

De acordo com o Itaú BBA, as unidades que possuem problemas financeiros e necessitam passar por fusões ou aquisições, representavam no início da safra, 18% da moagem de cana da região Centro-Sul do país e em tese, os compradores poderiam ser os 12 grandes grupos com pleno acesso a capital, que processam 36% da cana do Centro-Sul.

Esse estudo do Itaú enfatizou ainda que há 30 grupos nacionais com excelente performance operacional e endividamento adequado, representando 29% da moagem do Centro-Sul. Há também 26 grupos em recuperação, com elevada alavancagem financeira, respondendo por 16% da moagem da principal região produtora de cana do país, explica o Banco. 

img6934

Usinas que necessitam passar por processo de fusão ou aquisição, por estarem com problemas financeiros, representam 18% da moagem

X