FMI deve reduzir previsão de crescimento dos EUA

As quedas consecutivas dos mercados acionários, os diversos escândalos de contabilidade das empresas e a incerteza sobre os lucros das companhias aumentaram as chances da recuperação econômica dos Estados Unidos ser mais fraca do que o esperado, de acordo com o FMI (Fundo Monetário Internacional). Em sua revisão anual das mais ricas economias do mundo, o Fundo fez uma avaliação bastante negativa, apontando um abalo na confiança, um cenário orçamentário mais desanimador, e um otimismo demasiado nas previsões econômicas e nas decisões comerciais contraprodutivas do governo norte-americano. (Folha de SP)

X