Faturamento da cana no Sudeste deve cair 4%

canaAs unidades da região Sudeste do País deverão registrar faturamento de R$ 32,8 bilhões neste ano, queda de 4% ante os R$ 34,2 bilhões registrados em 2015.

 

O Sudeste concentra os estados mais tradicionais do setor sucroenergético do País, como São Paulo e Minas Gerais. A queda esperada de faturamento está no levantamento Valor Bruto da Produção (VBP) agropecuária, da Secretaria de Política Agrícola (SPA), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Conforme o estudo do Ministério, em todo o País a cana-de-açúcar deverá totalizar faturamento estimado de R$ 51.5 bilhões neste ano.

O valor é 1,5% menor em relação aos R$ 52,1 bilhões faturados pela cana em 2015.

Leia também: Usinas de cana já fixaram preços para 65% a 70%

Estados

A redução do faturamento bruto da cana no Sudeste é maior no estado de São Paulo, no qual a cana deverá alcançar R$ 27,4 bilhões nesse ano, queda projetada de 5,2% ante os R$ 28,9 apurados no ano passado.

Já em Minas Gerais, o setor sucroenergético deverá registar faturamento com cana-de-açúcar da ordem de R$ 4,9 bilhões, em redução prevista de 2% ante os R$ 4,8 bilhões registrados em 2015.

 

X