Etanol de segunda geração: USP abre vaga para pós-doutorado

O Grupo de Microbiologia Aplicada e Bioprocesses (GMBio), da Escola de Engenharia de Lorena (EEL) da USP, abriu vaga de bolsa de pós-doutorado para desenvolvimento do projeto: Desenvolvimento de uma plataforma tecnológica para aplicação industrial de métodos de destoxificação de hidrolisados lignocelulósicos visando a produção de etanol.

A vaga está vinculada ao projeto temático Etanol: Pesquisa e Desenvolvimento Visando ao aproveitamento integrado do bagaço de cana de açúcar para a produção biotecnológica do etanol lignocelulósico, coordenado pelo professor Sílvio Silvério da Silva.

Os interessados devem ter o título de doutor em áreas relacionadas a biotecnologia industrial, química, engenharia química, engenharia bioquímica ou bioprocessos com titulação adquirida nos últimos cinco anos. Também são exigidas leitura e redação fluentes em inglês, e fluência falada em inglês ou espanhol.

Os candidatos devem enviar, em formato PDF, uma carta de apresentação com breve relato de experiência científica e de suas motivações para o projeto, além de um link para o Currículo Lattes atualizado, para o email silvio@debiq.eel.usp.br, com cópia para silviosilverio@gmail.com. O prazo para inscrições vai até o dia 15. Mais informações: (12) 3159-5146.

X