Entenda a desregulamentação do mercado de açúcar na Tailândia

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

TailândiaDuas medidas tomadas pelo governo da Tailândia desregulamentaram completamente o mercado de açúcar doméstico do país, após o Brasil desafia-lo na Organização Mundial do Comércio (OMC) em 2016, argumentando que os subsídios do país asiático para produtores de cana-de-açúcar estavam aumentando a produção e derrubando os preços globais.

Leia mais: Quais são as estimativas do MAPA para produção de açúcar na próxima década

Há cerca de duas semanas o governo  eliminou o controle dos preços domésticos do açúcar e da administração de vendas, conforme declaração feita pelo ministro da indústria do país.  Os movimentos foram delineados em uma série de documentos do governo, incluindo uma ordem do primeiro-ministro, Prayuth Chan-ocha, suspendendo uma cláusula de controle de preços no Cane and Sugar Act de 1984, enquanto a lei ainda está sendo alterada.

Leia mais: Previsões para o mercado do açúcar em 2018

A Tailândia, está entre os maiores produtores de açúcar do mundo. Fornecia anteriormente subsídios domésticos de 160 bahts (5 dólares) por tonelada aos produtores de cana, estabelecia preços domésticos de açúcar entre 19 a 22,50 bahts (0,6 a 0,7 dólar) por quilo e atribuía uma certa quantidade de açúcar para consumo doméstico enquanto exportava o resto.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.