Cosan tem queda de 83,3% no lucro líquido no final do ano

O terceiro trimestre fiscal (outubro a dezembro de 2010) da Cosan, encerrou com queda de lucro líquido de 83,3% em relação ao mesmo período do ano anterior. Nos três últimos meses do ano a empresa lucrou R$ 29,7 milhões, contra os R$ 167,1 milhões do mesmo período de 2009. A redução no lucro líquido é atribuído há três principais fatores: a quebra da safra, o aumento no preço da ATR (açúcar total recuperável) e pela falta de ganho de receita por parcelamento de dívidas (refis) obtido no exercício anterior.

Queda na produção

A estiagem reduziu a moagem da cana em 20,6%, a de açúcar em 16% e de etanol, em 17%, em comparação com 2009. A moagem passou de 14,2 milhões de toneladas para 11,3 milhões de toneladas.

Preços

Os bons resultados nos preços do açúcar fez com que o grupo priorizasse a produção de açúcar branco com maior valor agregado e com isso, a produção aumentou 50 mil toneladas, totalizando 324 mil toneladas, se comparado a 2009.

X