Cosan projeta queda nas exportações de álcool do Brasil

As exportações de etanol do Brasil devem cair abaixo de 3 bilhões de litros em 2009/2010 (abril a março), contra quase 4,5 bilhões em 2008/2009, disse Mark Lyra, diretor comercial do grupo Cosan, maior exportador de etanol do mundo.

Falando durante o intervalo da Conferência Mundial de Etanol da F.O Licht, ele afirmou nesta segunda-feira que as intensas chuvas e a preferência das usinas em produzir açúcar, por conta dos elevados preços da commodity, estão entre os motivos por trás da queda das exportações.

X