Ceará e Piauí têm álcool mais caro do Nordeste

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Empatado com o Estado do Piauí, o Ceará lidera o ranking dos preços do álcool nos postos de combustíveis no Nordeste e atinge o preço médio de R$ 1,95, o litro, o maior há vários anos. A esse preço e mesmo com a gasolina a R$ 2,69, – também na “estratosfera”- o uso do álcool já não é mais vantajoso, na hora de abastecer o veículo para os cearenses. Esse situação se repete em outros 17 Estados, onde preço do etanol continua subindo e também já deixou de ser competitivo na primeira quinzena deste mês. O número de Estados quase dobrou desde outubro, quando eram dez segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo. Já não é vantajoso abastecer veículos com álcool no Acre, Amapá, Sergipe., Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Santa Catarina, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Pará, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Roraima. Segundo representantes de postos de combustíveis, o preço do etanol vem subindo devido à maior demanda por açúcar no mercado internacional. Para suprir o mercado, as exportações do produto cresceram muito, fazendo com que as usinas de cana-de-açúcar ampliassem a produção de açúcar em detrimento da de álcool.

A ocorrência de chuvas no centro-sul do país também estaria contribuindo à alta de preço, ao afetar a produtividade das lavouras. Cálculos de especialistas, baseados no poder calorífico dos combustíveis, apontam que o álcool é competitivo até chegar a 70% do preço da gasolina. Se ficar acima de 70%, o álcool deixa de ser vantajoso.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.