Cantagalo, RJ, ganha unidade de produção de cana forrageira

01071Cantagalo, na Região Serrana do Rio, ganhou uma unidade de produção de mudas de cana-de-açúcar. Instalada no Horto Municipal, o objetivo é alimentar o rebanho bovino local. Essa conquista dos produtores foi viabilizada em parceria entre a secretaria estadual de Agricultura (através da Pesagro-Rio e da Emater-Rio) e a prefeitura. A novidade foi anunciada durante o 7º Encontro de Produtores de Leite, realizado em novembro, onde foram discutidas estratégias para minimizar os prejuízos decorrentes da estiagem e os impactos de uma possível repetição do fenômeno junto aos criadores familiares.

De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Agropecuário, Rodrigo Vollú, a unidade de produção tem dois hectares, que serão transformados num canavial de qualidade, com acompanhamento técnico da Pesagro-Rio e da Emater-Rio. “A previsão é de concluir todo plantio até fevereiro de 2015. Tudo isso deve gerar 160 toneladas de mudas a serem doadas aos produtores, que serão previamente cadastrados”, explicou.

O encontro reuniu cerca de 60 pecuaristas e técnicos, que discutiram assuntos relativos ao cultivo e à multiplicação de variedades de cana-de-açúcar destinadas à alimentação de vacas leiteiras, nutrição e sanidade animal. Na ocasião, o pesquisador da Pesagro-Rio, Arivaldo Ribeiro Viana, apresentou algumas tecnologias utilizadas no manejo da cana forrageira, destacando a variedade RB 867515 (também chamada de mineirinha), como a mais eficiente para o território fluminense.

“O uso da cana-de-açúcar com ureia é uma alternativa eficiente para alimentação de bovinos no período de seca. O primeiro passo é fazer um planejamento de plantio e, em seguida, conhecer o nível de fertilidade do terreno através de uma análise de solo”, enfatizou o agrônomo.
Marcos Aronovich, zootecnista do Centro Estadual de Pesquisa em Qualidade de Alimentos da Pesagro-Rio, destacou características nutricionais da cana forrageira para alimentação de rebanhos bovinos. Já a coordenadora de pesquisa da Pesagro-Rio, Leda Kimura, falou sobre o aspecto sanitário na produção leiteira e também sobre certificação de propriedades rurais livres de brucelose e tuberculose. “Cantagalo é um dos 13 municípios fluminenses que possuem vacinação de brucelose sem ônus ao portador, graças à atuação da Pesagro-Rio, com apoio da Faperj, no controle dessa doença”, explicou a médica veterinária, que também desenvolve projetos no Centro Estadual de Pesquisa em Sanidade Animal Geraldo Manhães Carneiro.

O produtor Conrado Bucker saiu satisfeito do encontro. Ele já utiliza a cana como complemento alimentar para o rebanho em sua propriedade e acredita que a unidade de mudas vai contribuir para o aumento de produtividade da pecuária leiteira e de corte no município.

(Fonte: G1)

X