BNDES pode elevar financiamento para usinas de açúcar e álcool

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) deverá elevar em cerca de 20% o financiamento a usinas tradicionais produtoras de açúcar e álcool, atingindo R$ 5 bilhões no ano, segundo Julio Raimundo, diretor do banco.

Em 2012, os desembolsos foram de R$ 4,1 bilhões. No ano anterior, somou R$ 5,9 bilhões.

O banco tem uma carteira de R$ 1,5 bilhão neste ano voltada para projetos de segunda geração de etanol, como o da GraalBio, de quem adquiriu participação de 15%.

NEGÓCIO

A GraalBio, empresa de biotecnologia da família Gradin, receberá um aporte de R$ 600 milhões do BNDESPar (braço de participações do BNDES), que se tornará sócio da companhia ao deter 15% das ações ordinárias (com direito a voto).

Os recursos do BNDES serão utilizados no desenvolvimento de tecnologias para a produção de etanol de segunda geração e de bioquímicos.

Os controladores devem concluir até o início de 2014 a primeira fase de investimentos na GraalBio, com R$ 300 milhões. O montante está sendo aplicado na primeira fábrica de etanol celulósico do Hemisfério Sul, que está sendo construída em Alagoas e deve começar a produzir no próximo ano usando bagaço e palha da cana como matéria-prima, e na construção de um parque tecnológico em Campinas (SP).

O plano de negócios da GraalBio prevê R$ 4 bilhões em investimentos nos próximos sete anos, período em que pretende se tornar líder mundial na produção de etanol celulósico e de bioquímicos. O projeto prevê a construção de quatro unidades de produção de etanol de segunda geração, duas fábricas de bioquímicos e dois polos industriais.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.