Biosev moeu 31 milhões de toneladas de cana na safra 2015/16

A Biosev, segunda maior produtora de açúcar e etanol do país, controlada pela multinacional francesa Louis Dreyfus Commodities, divulgou hoje, em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que processou na safra 2015/16 (encerrada em março) seu maior volume de cana das últimas cinco safras.

Em suas 11 unidades de processamento foram moídas 31 milhões de toneladas da matéria-prima, que apresentaram um rendimento de 127,5 quilos de açúcar por tonelada de cana (ATR). O ATR total (calculado pela multiplicação do volume de moagem pelo ATR da cana) resultou em 3,946 milhões de toneladas, superando em 8% o ATR total da safra anterior.

De acordo com a companhia, a elevação do rendimento é fruto da decisão de estender o processamento de cana no quarto trimestre fiscal de 2016, período em que o tero de açúcar na cana costuma ser menor.

Além disso, a taxa de utilização da capacidade instalada foi de 85%, também o maior valor registrado pela companhia nas últimas cinco safras.

A Biosev destacou, ainda, que a produtividade dos canaviais cresceu 14% ante a temporada anterior e ficou em 76,2 toneladas por hectare.

Fonte: (Valor)

X