Biocana conclui programas de formação de mão-de-obra

A primeira turma do Programa Jovem Aprendiz rural, lançado pela Biocana em março deste ano, concluiu o curso de capacitação em novembro. Em Catanduva, o programa do Senar foi viabilizado através de parceria das usinas associadas à Biocana e Sindicato Rural. Os 25 primeiros formandos são filhos de colaboradores das usinas Cerradinho, São Domingos, Virgolino de Oliveira e Colombo.

As aulas duraram nove meses e foram realizadas na sede da Estação Experimental de Pindorama. O programa foi estruturado em 23 módulos, que incluíram disciplinas sobre Projeto de Ação Comunitária e oficinas sobre ética e cidadania; marketing e comercialização; promoção da saúde; comunicação oral e escrita. O programa também aborda agropecuária, recuperação de áreas degradadas, manutenção de propriedade agrícola e gestão de recursos humanos.

De acordo com a gerente executiva da Biocana, Leila Alencar Monteiro de Souza, o objetivo deste curso é assegurar a formação global do futuro trabalhador, preparando-o para ocupar um lugar de destaque no mercado de trabalho. “A partir de agora este jovem está apto para atuar na agroindústria ou mesmo ser um empreendedor rural. Com este projeto as usinas associadas possibilitaram a estes jovens à oportunidade de ser um cidadão, um profissional e ter um futuro melhor”, disse.

X