Atvos é reconhecida pela segunda vez por trabalho de inclusão. Desta vez, reconhecimento foi na sede da ONU

A Atvos é reconhecida pela segunda vez pelo trabalho que desenvolve com foco na inclusão das Pessoas com Deficiência (PCDs) no mercado de trabalho.

Dessa vez o reconhecimento foi na segunda-feira (03/12), na sede da Organização das Nações Unidades (ONU), em Nova York.

O “Global Award for Good Practices in the Employment of Persons with Disabilities” é concedido ao Acreditar na Diversidade, programa desenvolvido pela Atvos para qualificar PCDs moradores das comunidades em que a empresa atua.

No Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, compartilhamos mais uma conquista, diretamente de Nova York (EUA). A Atvos foi premiada hoje, na sede da ONU (Organização das Nações Unidas), por seu protagonismo na inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho, com o programa Acreditar na Diversidade. O amanhã que queremos está no fortalecimento das oportunidades para todos. Confira o vídeo e saiba mais.

Posted by Atvos on Monday, December 3, 2018

 

“A atuação da Atvos voltada à diversidade é essencial para a redução da desigualdade nas nossas cidades e contribui para a inserção social dos participantes”, afirma Luiz de Mendonça, presidente da Atvos, que representou a empresa na cerimônia.

Parceria com o Senai

Desenvolvido pelo Energia Social, programa de investimento social privado da Atvos, em parceria com o Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), o Acreditar na Diversidade oferece cursos que ensinam a rotina da área administrativa das organizações, de acordo com as normas técnicas, ambientais, de qualidade, segurança e saúde.

“Com essa experiência, esperamos sensibilizar outras empresas, inclusive nossos parceiros e fornecedores, para que a inclusão aumente ano a ano”, acrescenta Mendonça.

A primeira turma foi desenvolvida em 2016 pelo Polo São Paulo, em Teodoro Sampaio (SP), com 17 alunos participantes. O programa foi estendido com êxito aos estados de Goiás e Mato Grosso do Sul. Hoje, são 80 alunos já formados e aptos a ingressarem no mercado de trabalho.

“Ampliamos a boa prática desenvolvida pelo Polo São Paulo às nossas unidades agroindustriais”, explica Karina Fonseca, diretora de Pessoas da Atvos. “Estamos acompanhando de perto a transformação da realidade das pessoas participantes. Para nós, é motivo de orgulho ter este reconhecimento novamente”, completa.

O reconhecimento global foi concedido pela Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SEDPcD), do Governo do Estado de São Paulo que, em 2017, elegeu a empresa como uma das Melhores Empresas para Trabalhadores com Deficiência.

 

X