Alvorada, Cerradinho e Coruripe disputam Educação e Cultura

As usinas Alvorada, Cerradinho e Coruripe, são os destaques da categoria Educação e Cultura do Prêmio MasterCana Social. O melhor case, escolhido pela comissão julgadora, será conhecido no dia 28 de outubro, na cerimônia do Prêmio MasterCana Brasil, em São Paulo. O MC Social é promovido pelo Gerhai (Grupo de Estudos em Recursos Humanos na Agroindústria), com apoio do JornalCana.

A Usina Alvorada apresentou o Vó Amélia, projeto social sem fins lucrativos, criado em 2002 para suprir as carências de educação e cultura de crianças e adolescentes do município mineiro de Araporã, com 6,8 mil habitantes.

Diante da dificuldade escolar enfrentada pelas crianças e adolescentes, a usina montou uma estrutura para garantir a redução da evasão escolar e melhoria da freqüência dos alunos. São desenvolvidas atividades dirigidas, como o acesso ao lazer, educação e cultura de todos os integrantes. Isso contribui para a formação de novos cidadãos na comunidade.

“Todos nós devemos ser a mudança que desejamos ver no mundo”. A frase de Ghandi ilustra o projeto Criança Doce Energia, do Grupo Cerradiho. Implatado há 10 anos, reuniu um conjunto de idéias e atividades referenciais para incentivar o crescimento e desenvolvimento educacional de crianças e jovens.

O projeto tem como missão descobrir o potencial do individuo, desenvolvendo habilidades, formando cidadãos éticos, responsáveis e conscientes de direitos e deveres. O Grupo acredita que para melhorar as condições de vida de um país é imprescindível o investimento em educação.

Segundo a empresa, “para o País crescer é preciso investir naqueles que estão crescendo e que vão transformar o futuro”. Por dinamizar uma política social de valorização do ser humano a Cerradinho foi reconhecida pela Fundação Abrinq como uma Empresa Amiga da Criança.

O Grupo Coruripe criou o Projeto Florescer, um Centro de Atendimento Social de Campo Florido, MG, com o objetivo proteger e proporcionar a inclusão social de crianças carentes, dando suporte à educação, cultura e esporte. Atualmente, a entidade é reconhecida como de utilidade pública municipal, estadual e federal.

O projeto atende crianças na faixa etária de 6 a 15 anos, em horário inverso ao escolar. As ações desenvolvidas são realizadas através de um trabalho efetivo com várias atividades, a fim de evitar que as crianças e adolescentes fiquem expostas a situações de risco e vulnerabilidade social.

A entidade possui atualmente duas salas de estudos complementares, biblioteca, refeitório, oficina de artes, sala de informática, sanitários masculino e feminino, quadra de esportes, campo de futebol, vestiários masculino e feminino e secretaria. Para o futuro, serão construídas mais cinco salas de estudos complementares.

Toda a despesa da entidade é obtida através de doações da Usina Coruripe, de seus colaboradores e fornecedores de cana de açúcar da Usina.

O Prêmio MasterCana Social, que tem como tema principal o compromisso com a sustentabilidade, contou com a indicação de 51 cases de 15 empresas. Os temas foram analisados por comissões julgadoras formadas por grupos técnicos e comissões de trabalhos do Gerhai, que selecionaram 25 cases. O vencedor de cada categoria será indicado pelo “Conselho dos Notáveis” em reunião no dia da premiação e serão conhecidos apenas no momento da premiação.

Programação do MasterCana Brasil 2008

19h30 – Coquetel

21h – Cerimônia de Premiação

24h – Encerramento

Traje – Social Completo (Terno)

Local – Grand Hyatt São Paulo, avenida das Nações Unidas nº 13.301

Obs. O hotel oferece diárias com descontos para participantes do Prêmio MasterCana Brasil e Conferência Datagro.

Informações e Convite: Michelle Freitas

Telefone: (16) 3512-4300

Móvel: (16) 9128-7379

michelle@procana.com.b

X