AGCO nega rumores de que Santal estaria à venda

A fabricante de máquinas agrícolas AGCO negou, em nota divulgada nesta segunda-feira, 21, rumores de que colocaria à venda sua unidade de equipamentos para a indústria sucroalcooleira.

De acordo com a companhia, após a aquisição da Santal Equipamentos S/A, iniciada em 2012 e finalizada em setembro de 2014, a empresa foi totalmente incorporada pela AGCO e 100% dos produtos da linha canavieira da empresa foram integrados ao portfólio das marcas Valtra e Massey Ferguson, ambas do grupo AGCO.

A linha de produtos voltados para o setor de cana-de-açúcar é produzida, segundo o comunicado, na unidade da AGCO localizada em Ribeirão Preto (SP) e não se encontra à venda. “Por questões estratégicas relacionadas à diversificação do mercado de energia, a companhia reafirma o potencial associado ao processo produtivo da cana-de-açúcar.

Prova disso é que investimos recentemente cerca de R$ 100 milhões na unidade AGCO Ribeirão Preto, lançamos novos produtos e expandimos nossa capacidade fabril”, declarou na nota o diretor da AGCO Ribeirão Preto, Ruy Cunha. Cunha acrescentou ainda que mesmo diante dos desafios que o País tem em termos de política agrícola, “o agronegócio é um dos segmentos mais saudáveis da economia brasileira na atualidade”.

Fonte: (Estadão)

X